Paralisia de bell


A fraqueza súbita dos grupos musculares do rosto é denominada como Paralisia de Bell. Geralmente quando isso acontece, metade do rosto fica com o aspecto paralisado, caído ou inclinado.

Obs: A paralisia de bell pode ocorrer em qualquer idade.

Causas da paralisia de bell

A medicina ainda não descobriu quais são as causas exatas da paralisia de bell. Entretanto acredita-se que a paralisia de bell pode ocorrer devido a uma infecção ou inchaço do nervo responsável pelo controle de um lado da face. O indivíduo pode apresentar este quadro depois de uma infecção viral.

  • Vale ressaltar que a paralisia de bell é uma condição passageira para a maioria das pessoas. O quadro começa a reverter em algumas semanas e em aproximadamente 06 meses, o paciente já não apresenta nenhum sintoma.
  • Um número pequeno de pacientes que apresentam a paralisia de bell, continuam a ter os sintomas pelo resto da vida.
  • Segundo especialistas a paralisia de bell não é reincidente, ou seja, o indivíduo não apresenta este quadro mais de uma vez em toda a sua vida.

Ao contrário de que muitas pessoas pensam a paralisia de bell não está ligada a um AVC – Acidente vascular Cerebral ou a um ATI – Ataque Isquêmico Transitório. Estas patologias tem como um dos sintomas a paralisia parcial da face, porém não tem nenhuma ligação com a paralisia de bell.

Conheçam os principais sintomas da paralisia de bell

O principal sintoma da paralisia de bell é a fraqueza dos músculos da face, que em quase sua totalidade, afeta apenas um lado do rosto. Vejam quais são os outros sintomas:


  • Pode ocorrer uma pequena dificuldade da fala.
  • A face fica inclinada para um lado e os movimentos naturais do rosto só acontecem do lado não afetado.
  • Dificuldade na mastigação dos alimentos no lado afetado.
  • Bebidas e saliva podem escapar pelo canto da boca do lado paralisado, a sensação é semelhante ao processo que ocorre quando sua boca fica anestesiada em um procedimento odontológico.
  • Pode ocorrer a dificuldade ou a impossibilidade de fechar o olho do lado afetado.
  • O indivíduo apresenta dificuldade para assoprar, assobiar e enrugar a testa.
  • Perda do paladar.
  • Dormência do lado afetado do rosto.
  • Dor de cabeça.
  • Dor atrás da orelha.
  • Aumento da sensibilidade a ruídos e sons.

paralisia de bell

Diagnosticando a paralisia de bell

O médico vai conseguir um diagnostico a partir do relato do paciente em relação aos sintomas que vem enfrentando. Exames físicos e neurológicos também devem ser pedidos para confirmação da paralisia de bell.

Tratamento para a paralisia de bell

Os sintomas da paralisia de bell podem desaparecer com o tempo naturalmente. Porém para que a musculatura do rosto fique totalmente recuperada pode levar até várias semanas e meses. Para a um recuperação mais eficaz alguns medicamentos devem ser usados:

  • Analgésicos como ibuprofeno ou paracetamol.
  • Drogas a base de corticoide para combater a infecção do nervo.
  • Se a causa da paralisia de bell for viral, medicamentos antivirais serão prescritos.

Fisioterapia

Em muitos casos a fisioterapia é recomendada. Devido ao tempo que a face fica paralisada, pode ocorrer o encolhimento dos músculos, o que provoca a contratura permanente dos mesmos. Neste caso a fisioterapia é indicada para que através de massagens específicas os movimentos voltem a condição normal.

Possíveis complicações da paralisia de bell:

  • Cegueira parcial ou total do olho do lado da face afetada.
  • Danos graves e irreversíveis do nervo facial.
  • Contração muscular involuntária.

Infelizmente não há como prevenir a paralisia de bell, já que as causas não são conhecidas pela medicina. Ao detectar os sintomas descritos acima, busque ajuda médica para que o diagnóstico seja feito o mais rápido possível e para que o tratamento possa ser iniciado o quando antes.

 


Gostou desse artigo? Dê seu voto!

Péssimo! Não gostei de nada!Ruim!Gostei, ta na média!Muito bom!Excelente! (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...