Floxicam


Todo mundo está sujeito a passar por imprevistos e bem como o nome diz, imprevistos é algo que acontece para atrapalhar e assim é a dor.

Seja uma dor na coluna, na perna ou muscular, ela é capaz de atrapalhar a nossa rotina. E quando sentimos a dor o que mais queremos é o alívio imediato da mesma.

O Floxicam é um anti-inflamatório (medicamento que combate a inflamação de tecidos), favorecendo o desaparecimento dos sintomas da dor e reduz a inflamação.

Dores nas articulações acabam sendo atreladas a idosos, porém a realidade é bem diferente, não é somente idosos que possuem doenças que acometem as articulações, ossos, cartilagens, ligamentos, tendões e músculos.

Sendo jovem, adulto, criança ou idoso, se você não tiver uma alimentação regrada e não se exercitar você estará sujeito a desenvolver doenças remáticas.

Para que serve o Floxicam

Floxicam


O medicamento não-esteróide (fármacos que têm em comum a capacidade de controlar a inflamação, de analgesia, e de combater a febre) serve para aliviar a dor, agindo como um relaxante analgésico e também tratar da inflamação.

O Floxicam serve para o tratamento de artrite reumatóide (que afeta muitas articulações, incluindo as das mãos e dos pés), osteoartrite (ocorre quando o tecido flexível nas extremidades dos ossos se desgasta), espondilite anquilosante (afeta a coluna vertebral e as articulações grandes, mais presentes em homens).

O medicamento também serve para o tratamento da Artrite gotosa aguda, mais conhecida como Gota (inflamação das articulações causada por depósitos no interior de cristais de ácido úrico) e Dismenorréia (que são cólicas antes ou durante a menstruação).

O Floxicam também combate todos os estados dolorosos agudos como músculo esqueléticas (doenças que geralmente são adquiridas no trabalho através de esforços intensos e repetitivos),  cefaléia (dor de cabeça), pós-traumatismo (distúrbio caracterizado pela dificuldade em se recuperar depois de vivenciar ou testemunhar um acontecimento assustador),  pós-operatória (recuperação de uma cirurgia) e afecções reumáticas articulares e extra articulares.

Como funciona o Floxicam

O Floxicam é um anti-inflamatório que tem como objetivo reduzir a dor do paciente e tem como base a substância piroxicam. Cada cápsula do medicamento contém:

  • 20 mg de piroxicam;
  • Amido;
  • Celulose microcristalina;
  • Lactose monoidratada;
  • Estearato de magnésio;

O alívio da dor já é perceptível após 4 horas da primeira dose do medicamento. O paciente deve tomar o medicamento no horário correto e durante os dias receitados pelo seu médico.

Como usar o Floxicam

O uso do medicamento é por via oral com um copo de água, por 5 a 7 dias.

O paciente deve utilizar uma dose única de 20 mg ou 40 mg ao dia ou seguindo a recomendação médica.

Contraindicação

Esse medicamento é contraindicado para pacientes que possuem alergias aos componentes da fórmula do medicamento. 

Mulheres que estejam amamentando, gestantes e pacientes que tenham úlcera péptica (ferida que se desenvolve na mucosa do esôfago, estômago ou intestino delgado) e hemorragia gastrintestinal intensa (se refere a todas formas de hemorragia no trato gastrointestinal, da faringe até o reto).

Precauções

É proibido utilizar o medicamento com outros anti-inflamatórios não hormonais incluindo inibidores da COX-2 (pois são medicamentos que inibem a substância piroxicam, que provoca o processo de resposta inflamatória do corpo humano).

Pacientes com alergia ao ácido acetilsalicílico não devem utilizar o medicamento.

Não é recomendável utilizar o Floxicam ao mesmo tempo com medicamentos anticoagulantes (fármacos usados para prevenir a formação de trombos sanguíneos), anti hipertensivos (utilizados no tratamento da hipertensão), corticosteroides (grupo de hormonas esteroides produzidas pelas glândulas suprarrenais, ou a derivados sintéticos destas) e ciclosporina (suprime as reações imunológicas que causam rejeição de órgãos transplantados, reduzindo a probabilidade de rejeição).

O medicamento também não deve ser usado no tratamento de anti-inflamatórios hormonais.

A dose do medicamento deve ser usada com cautela para pacientes que tiveram ou tratam atualmente de doenças do fígado, eventos trombóticos, pressão alta, cardiovascular e insuficiência cardíaca congestiva.

O Floxicam pode causar reações adversas gastrintestinais como inflamação, ulceração, perfuração do estômago e sangramento.

Para pacientes que necessitem tomar doses acima de 20 mg, podem aumentar o risco de efeitos colaterais gastrintestinais.

Casos de superdosagem, o paciente deve avisar imediatamente o seu médico que irá monitorar possíveis reações.

Nos casos existentes diagnosticados da superdosagem do medicamento pode acarretar falta de energia, cansaço, náusea, vômito, dor abdominal, sangramento gastrintestinal, aumento de pressão, diarreia, redução do funcionamento dos rins e depressão respiratória.

Preço do Floxicam

O preço médio da caixa de Floxicam com 15 cápsulas está entre R$ 6,92 até R$ 35,00.

Genérico do Floxicam

O remédio genérico do Floxicam é o Piroxicam, fabricado por vários laboratórios como EMS, Germed Pharma, Neo Química, Prati-Donaduzzi, Cimed, NCK Pharma, Ranbaxy, Geolab, Legrand, Medley, Pharlab e Biosintética. 

O preço médio do similar do Floxicam é de R$ 9,00. 

Pergunta dos leitores

Floxicam serve para cólica menstrual?

O Floxicam possui em sua substância inibidores seletivos da COX-2, que é o enzima responsável por causar dor e inflamação, sendo assim o medicamento serve para cólica menstrual, inibindo as dores antes e durante a menstruação.

Floxicam serve para dor de garganta?

Sim. O anti-inflamatório é indicado para a dor de garganta, pois age diretamente no combate da inflamação ocasionada pela gripe e resfriado. O paciente deve realizar a dosagem após as refeições, pois o efeito do medicamento irrita a mucosa do estômago, podendo prejudicar pessoas que tem gastrite.

Floxicam serve para infecção urinaria?

Não. O Floxicam serve para situações inflamatórias.

Floxicam serve para dor de dente?

Sim. O medicamento alivia a dor de dente em até 7 dias de tratamento, caso a dor de dente continue após esse período, o paciente deve procurar o seu dentista.

Floxicam serve para dor de cabeça?

Sim. Como a dor de cabeça não é considerada doença e sim uma dor primária, o Floxicam atua como analgésico, aliviando a dor de cabeça. Caso a dor ultrapasse 7 dias, o paciente deve consultar o seu médico para uma avaliação clínica para um tratamento adequado.


Gostou desse artigo? Dê seu voto!

Péssimo! Não gostei de nada!Ruim!Gostei, ta na média!Muito bom!Excelente! (3 votes, average: 4,67 out of 5)
Loading...