Artemidis 35 – Para Que Serve? Funciona? Engorda? Efeitos Colaterais!


Existe uma grande variedade de pílulas anticoncepcionais s no mercado atualmente e pro muitas vezes vai se tornando difícil escolher entre uma ou outra, mas para isso, é preciso entender os benefícios de casa uma, forma de administração e etc., tal como Artemidis 35, que tem indicações específicas.

Então, para saber um pouco mais sobre esse medicamento, continue lendo e descubra tudo o que você precisa saber sobre o assunto.

 

Para que serve o Artemidis 35

Artemidis 35 é um medicamento que serve para tratar as doenças que tem relação com os hormônios andrógenos na mulher, tais como acne, especialmente em suas formas pronunciadas e quando acompanha seborreia e inflamações, bem como casos de acne nodulocistica ou papulopustulosa.

Ele ainda auxilia em casos leves de excesso de pelos (hisurismo) queda excessiva de cabelo e síndrome dos ovários policísticos.

Como funciona o Artemidis 35

A pílula Artemidis 35 traz a combinação de dois hormônios diferentes, é considerado de baixa dosagem hormonal e não causa interferência no peso corporal da mulher que o utiliza.

Isso ajuda a reestabelecer o equilíbrio hormonal e a melhorar as doenças e problemas que tem relação com os hormônios andrógenos produzidos pela mulher.


Artemidis 35 acne

Composição

Casa comprimido de Artemidis 35 contém:

acetato de ciproterona ………. 2 mg
etinilestradiol ………. 0,035 mg
excipiente q.s.p* ……….. 1 com rev
Excipiente: álcool etílico, acetona e água purificada. Óxido de ferro vermelho, amido de milho pré-gelatinizado, talco, croscarmelose sódica, lactose, cloreto de metileno, laurilsulfato de sódio, polímero catiônico do ácido metacrílico, estearato de magnésio, dióxido de titânio, macrogol, álcool isopropílico.

Como usar o Artemidis 35

Para utilizar Artemidis 35 é muito simples, lembrando que cada cartela contém 21 comprimidos revestidos que devem ser tomados por 21 dias seguidos, mantendo aproximadamente o mesmo horário de administração.

Depois dos 21 dias, é feita uma pausa de 7 dia e se inicia uma nova cartela.

Contraindicação

De uma forma geral, os medicamentos que contenham a combinação de estrogênio e progestógeno não deve ser utilizada quando se apresentarem os seguintes quadros:

Artemidis 35 bula

  • Histórico ou presença de processos de trombose/tromboembolismo, sejam venosos ou arteriais.
  • Histórico ou presença de sinais e/ou sintomas prondrômicos e trombose, tais como angina e episódio isquêmico.
  • Alto risco de desenvolvimento de trombose, seja venosa ou arterial.
  • Na presença de múltiplos fatores de risco ou fatores de risco grave para trombose venosa ou arterial.
  • Presença de diabetes mellitus na presença de comprometimento vascular.
  • Histórico de enxaqueca acompanhada de sintomas neurológicos focais
  • Histórico ou presença de tumores hepáticos, sejam malignos ou benignos.
  • Suspeita ou diagnóstico de neoplasias sob influencia de esteroides sexuais.
  • Sangramentos vaginais ainda não-diagnosticados.
  • Suspeita ou confirmação de gravidez.
  • Uso de contraceptivo hormonal concomitantemente.
  • Amamentação

Além disso, o uso de Artemidis é contraindicado para casos de hipersensibilidade a qualquer um dos componentes de sua fórmula. Sempre informe ao médico sobre a presença de qualquer uma das situações acima citadas.

Precauções

Este medicamento não oferece proteção contra infecções como por HIV ou outras sexualmente transmissíveis. Além disso, existem diversas situações em que é indicada a descontinuação do uso desse medicamento e nesse caso deve-se utilizar algum método contraceptivo não-hormonal adicional, tal como preservativo.

É indicado visitar o médico com regularidade para que o mesmo possa solicitar exames ´ginecológicos e clínicos de rotina a fim de verificar se o uso de Artemidis 35 pode prosseguir ou deve ser descontinuado.

O uso desse medicamento só deve ser feito sob recomendação e orientação medica e requer supervisão cuidadosa nos seguintes casos:

Artemidis 35 fumo

  • Fumo
  • Diabetes
  • Excesso de peso
  • Alteração dos batimentos ou na válvula cardíaca
  • Flebite (inflamação nas veias)
  • Veias varicosas
  • Histórico familiar de coágulos.
  • Derrame ou ataque cardíaco em idade consideravelmente jovem
  • Epilepsia
  • Enxaqueca
  • Altos níveis e triglicérides e colesterol apresentado pelo paciente ou familiares diretos
  • Familiares com câncer de mama
  • Patologias biliares ou do fígado
  • Doença de Crohn ou colite ulcerativa
  • SOP – Síndrome de ovário poliscístico
  • Lúpus eritematoso sistêmico
  • Síndrome hemolítico-urêmica
  • Anemia falciforme
  • Porfiria
  • Herpes gestacional
  • Coreia de Sydenham

O médico deve ser avisado previamente sobre qualquer uma dessas condições, bem como se algum desses casos acontecer pela primeira vez, se agravar ou reaparecer durante o uso de Artemidis 35.

Caso ocorram sinais de coágulos sanguíneos, o uso desse medicamento deve ser descontinuado e o médico deve ser imediatamente consultado.

Vale lembrar que Artemidis 35 também funciona como um contraceptivo oral, no entanto é preciso considerar todos os fatores importantes para a segurança no uso de contraceptivos orais combinados.

O uso desse medicamento requer uso sob vigilância médica e controle periódico da função hepática visto que pode causar hepatotoxicidade aos 8, 15, 30 e 90 dias do uso e não tem seu uso aprovado com anticoncepcional.

Efeitos colaterais do Artemidis 35

Assim como qualquer medicamento, o uso de Artemidis 35 pode levar ao surgimento de reações indesejáveis, que são as seguintes, de acordo com a sua frequência:

Reações adversas comuns (acontecem entre 1 entre 10 a cada 100 pacientes a que fazem uso desse medicamento:

  • Náuseas
  • Dor abdominal
  • Elevação do peso corporal
  • Alterações de humor ou depressão
  • Dor nas mamas
  • Cefaleia (dor de cabeça)

Reações adversas incomuns (acontecem entre 1 entre 10 a cada 1.000 pacientes a que fazem uso desse medicamento):

  • Diarreia
  • Vômitos
  • Retenção de líquidos
  • Enxaqueça
  • Redução da libido
  • Aumento no tamanho das mamas
  • Urticária e erupções cutâneas

Reações adversas raras (acontecem entre 1 entre 10 a cada 1.000 pacientes a que fazem uso desse medicamento):

Artemidis 35 posologia

  • Reações de hipersensibilidade (reações alérgicas)
  • Intolerância ao uso de lentes de contato
  • Aumento da libido
  • Redução do peso corporal
  • Secreção vaginal
  • Secreção mamária
  • Eritema multiforme ou nodoso

As seguintes reações foram registradas em mulheres que usam COC:

  • Derrame
  • Distúrbios tromboembólicos venosos e arteriais
  • Pressão alta
  • Aumento de gordura no sangue (hipertrigliceridemia)
  • Mudanças na tolerância à glicose ou sobre a resistência periférica à insulina
  • Tumores hepáticos (benignos ou malignos)
  • Alterações na função hepática
  • Cloasma
  • Os estrogênios exógenos podem intensificar ou induzir sintomas de angioedema em mulheres com essa condição hereditária.
  • Piora ou ocorrência de problemas cuja associação com o uso de COC não é conclusiva, tais como prurido e/ou icterícia associados à colestase, formação de cálculos na vesícula, lúpus eritematoso sistêmico, entre outras.

Sempre informe ao seu médico sobre o aparecimento de reações indesejáveis decorrentes do uso de Artemidis 35, bem como aso serviço de atendimento da empresa, especialmente se forem persistentes ou graves e caso haja mudança no estado de saúde.

Superdosagem

Até o momento não foram registrados efeitos e reações graves relativos à ingestão de diversos comprimidos revestidos do medicamento quando de uma só vez. No entanto, se isso acontecer pode ocorrer sintomas como náusea, sangramento vaginal e vômitos. Se a ingestão excessiva acidental for feita por uma criança, é importante consultar o médico.

Caso ocorra o uso de uma grande quantidade de Artemidis 35, o indicado é procurar o socorro médico o quanto antes levando consigo a bula ou a embalagem do medicamento. para mais orientações ou em caso de intoxicação, ligue para 0800 722 6001.

Interação do Artemidis 35 com outros remédios

É muito importante ressaltar que o uso de alguns outros medicamentos pode acabar influenciando os níveis séricos de Artemidis 35, diminuindo assim a sua eficácia e podendo levar a um sangramento inesperado. Dentre esses medicamentos estão os medicamentos utilizados para o tratamento de:

  • Epilepsia, tais como fenitoína, primidona, topiramato, barbitúricos, carbamazepina, felbamato e oxcarbazepina, entre outros.
  • Tuberculose, tal como rifampicina
  • Hepatite C e AIDS, também conhecidos como inibidores das proteases e inibidores não nucleotídeos da transcriptase.
  • Estados depressivos que contenham Erva de São João

É importante ressaltar ainda que medicamentos semelhantes a Artemidis 35 também podem causar interferência na eficácia de outros medicamentos, tais como aqueles que contém ciclosporina ou com lamotrigina.

Artemidis 35 funciona

Onde comprar Artemidis 35 mais barato

Artemidis 35 não pode ser considerado um remédio caro e é possível encontra-lo com preços bastante acessíveis, mas valor do produto irá depender da região na qual você se encontra ou o local escolhido para a compra.

No entanto, na internet, a caixa de Artemidis com 35 comprimidos pode ser encontrada por valores entre R$ 10 e R$ 15 reais, lembrando que para a sua compra é necessária a apresentação de receita banca comum.

Artemidis 35 Genérico

Para encontrar o genérico de Artemidis 35, basta ir até a farmácia, falar com o farmacêutico e solicitar pelo princípio ativo do medicamento, que é  Acetato de Ciproterona + Etinilestradiol, sempre observando se a concentração é a mesma do medicamento de referência.

Pergunta dos leitores

Artemidis 35 é um anticoncepcional seguro?

Assim como qualquer outro medicamento contraceptivo oral o uso de Artemidis 35 oferece certos riscos e deve ser feito sempre sob orientação e acompanhamento médico estrito. No entanto, se uma forma geral e se forem observados os critérios descritos, o seu uso pode ser considerado seguro sim.

Artemidis 35 é indicado para quem tem trombose?

Não! Uma das contraindicações de Artemidis 35 é para pacientes com trombose, ou seja, pessoas sob essa condição não devem fazer uso desse medicamento a menos que haja recomendação médica visando que os benefícios do uso superam os riscos em potencial.

Artemidis 35 tira espinha?

Sim, uma das indicações desse medicamento é para ajudar a reduzir problemas de acne em quem sofre com casos mais severos desse problema.

Artemidis 35 e Diane 35 tem a mesma formula?

Sim, Artemidis 35 e Diane 35 apresentam a mesma formulação e podem ser considerados medicamentos similares.

Pronto, agora você já sabe um pouco mais sobre Artemidis 35, suas indicações, contraindicações, precauções de uso e tudo mais que precisaria saber sobre o assunto.


Gostou desse artigo? Dê seu voto!

Péssimo! Não gostei de nada!Ruim!Gostei, ta na média!Muito bom!Excelente! (No Ratings Yet)
Loading...